RONDONOTICIAS segunda-feira, 24 de fevereiro de 2020 - Criado em 11/10/2001

Delegado responsável pelo caso de criança morta pelo pai e madrasta, relata detalhes do crime


Rondonoticias

23/09/2019 17:19:02 - Atualizado

PORTO VELHO, RO - O delegado Rodrigo Camargo responsável pelo caso Lauanny Hester Rodrigues,  criança de 2 anos que foi espancada pelo próprio pai e a madrasta, concedeu uma entrevista nesta segunda-feira (23), contando detalhes sobre o crime que chocou o estado.

Segundo o delegado, a criança havia sido abandonada pela mãe, e estaria sob os cuidados do pai identificado como William Monteiro da Silva, 25 anos que junto de Ingrid Bernardino Andrade, 23, agrediu a vítima até a morte.

Em depoimento, eles disseram que haviam agredido a vítima duas vezes durante a noite porque a mesma havia rasgado um saco de farinha. Pela manhã continuaram as agressões.

Ingrid e William disseram que ambos teriam espancado Lauanny. Ela sofreu múltiplas lesões com traumatismo e diversas fraturas  no abdômen, tórax, quadril e crânio, além de hemorragias. 


O CASO

Na manhã de sábado (21), Lauanny Hester Rodrigues de 2 anos de idade foi espancada até a morte pelo pai e madastra. O caso ocorreu no município de Ariquemes, RO. 

A Polícia foi acionada por vizinhos que ouviram o momento em que a criança era agredida. Ao chegarem no local a vítima já estava morta. Os suspeitos foram encontrados em uma prainha deitados embaixo de uma árvore com o outro filho do casal de 5 meses, que foi entregue ao Conselho Tutelar.

Os suspeitos estão no presídio e responderão pelos crimes de homicídio qualificado por motivo fútil e tortura.

Criança de 2 anos é espancada até a morte; pai e madrasta são presos














Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.