RONDONOTICIAS terça-feira, 24 de novembro de 2020 - Criado em 11/10/2001

Família contrata advogado para acompanhar caso da morte de casal

Na lateral da viatura Gol foi encontrado um amassado, indicando que houve uma colisão com a moto das vítimas


REDAÇÃO

Publicada em: 28/10/2020 17:17:26 - Atualizado

PORTO VELHO - A família da jovem Antônia Beatriz Aguiar Souza, de 18 anos, que faleceu em um acidente com o namorado
durante perseguição militar, contratou um advogado para mover uma ação judicial contra o Estado de Rondônia e os policiais militares que teriam provocado o acidente.

O casal morreu na madrugada do último domingo (25) durante perseguição policial na Avenida Tiradentes, bairro Embratel, em Porto Velho (RO).

De acordo com o boletim de ocorrência feito por uma equipe da Polícia Militar, o casal estaria no Espaço Alternativo e o piloto da motocicleta, Samuel, teria desobedecido voz de parada e fugido na contramão da Avenida Jorge Teixeira, seguido até a Avenida Tiradentes, entrado no fluxo normal de veículos e depois perdido o controle da direção.

As imagens das câmeras de monitoramento mostram que duas viaturas perseguiam a motocicleta. No vídeo observa-se que a viatura modelo Gol ultrapassa pela direita a caminhonete L200 e em seguida fecha o casal. Os dois ocupantes da moto morreram no local.

Veja o vídeo:


MATÉRIAS - DENÚNCIAS - VÍDEOS - FOTOS

Fale com a redação do Rondonotícias redacao@rondonoticias.com.br