RONDONOTICIAS terça-feira, 16 de outubro de 2018 - Criado em 11/10/2001

​Rondônia compete com cincos estados na seletiva nacional da Olimpíada do Conhecimento do Senai

Os melhores classificados farão os treinamentos para a 44ª WorldSkills, que acontece em 2019 em Kazan, na Rússia.


Rondonoticias - assessoria

14/06/2018 10:12:33 - Atualizado

RONDÔNIA - A disputa em Porto Velho para as seletivas nacionais da Olimpíada do Conhecimento, começou nesta terça-feira, 12, no Centro de Eventos Soraia Vilela – Sesi-Senai Lagoa, na capital, com a participação do aluno olímpico Thiago Breno de Almeida Pereira, representante de Rondônia na ocupação Pintura Decorativa. Os demais concorrentes são do Rio Grande do Sul, Amapá, Tocantins, São Paulo e Distrito Federal.

Nas provas, os competidores precisam alcançar índices de excelência ao executar tarefas semelhantes às que realizam no dia a dia na indústria ou no setor de serviços. Os participantes realizam provas de acordo com padrões internacionais de qualidade. Cada seletiva dura, em média, 20 horas, divididas em quatro dias de provas. São avaliadas também habilidades técnicas e pessoais. Os mais bem colocados em cada uma das ocupações recebem medalhas de ouro, de prata e de bronze.

Logo após a solenidade de abertura, cada um dos competidores se dirigiu ao seu box para dar início aos trabalhos. O resultado final será divulgado nesta sexta-feira, 15, quando saberemos qual os cinco alunos olímpicos da ocupação Pintura decorativa conquistou a vaga para a 44ª WorldSkills, que acontece na cidade de Kazan, na Rússia, em 2019.

Thiago Pereira 18, estuda no Sesi-Senai desde fevereiro de 2018 e começou a treinar a partir de março de 2019. Ele conta que foi complicado no início, pois até acostumar a entrar oito da manhã e sair meia-noite foi um pouco puxado, mas depois se acostumou. Em relação aos competidores, o jovem garantiu que está tranquilo. “Como os demais, estou aqui para fazer o meu melhor”, disse.

O representante do Senai de Tocantins, Guilherme Teilon Alves da Silva, 17, estuda no Sesi-Senai há oito meses, mesmo período em que vem treinando. O aluno olímpico lembra o treinamento puxado. “Os competidores querem ir para Rússia, todo mundo que está aqui treinou e se dedicou bastante. A competição está sendo bem acirrada, todos nós já somos ganhadores só por estar aqui participando”, exultou.

Há três anos, Kathleen dos Santos, é aluna do Sesi-Senai Rio Grande do Sul e há um ano está treinando. A jovem fez questão de mostrar sua tranquilidade e está focada para realizar seu trabalho bem feito e permanecer com mente no seu box.

Diplomática, Kathleen garantiu que o tratamento com os demais será cordial e respeitoso. “É ótimo a questão da visibilidade que a Olimpíada dá para as escolas, para os Estados, já que cada local está sediando uma modalidade, então isso está sendo bem interessante até pela minha experiência de viagem, de poder dizer que participei e levar isso com orgulho para onde eu for”, argumentou.


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.