RONDONOTICIAS sexta-feira, 25 de setembro de 2020 - Criado em 11/10/2001

Mortes e internações por covid-19 caem pela 2ª semana em SP

Segundo governo, estado registrou diminuição de 8% no número de óbitos e 2,5% no número de internações por covid-19...


Assessoria

Publicada em: 03/08/2020 16:18:29 - Atualizado

SÃO PAULO - O governo de São Paulo afirmou nesta segunda-feira (3) que, pela segunda semana consecutiva, São Paulo registrou queda no número de óbitos e internações por coronavírus. "Houve uma diminuição de 8% no número de óbitos nessa última semana em relação a semana anterior", afirmou Doria. 

Segundo o governo, na semana de 19 a 25 de julho, SP registrou 1.870 óbitos. Na semana de 26 de julho a 1º de agosto, o número caiu para 1.719, 151 vítimas a menos. No mesmo período, houve uma queda de 2,5% no número de internações. Na primeira semana, de 19 a 25 de julho, foram 12.874 internações. Na semana até 1º foram registradas 12.551 internações. O números indicam menos 323 pessoas internadas. 

O secretário de saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn afirmou essa situação reflete o programa de testagem que, segundo ele, atingiu 1.788 milhão testes, o que corresponde a 25% do total de testes realizados no Brasil. São realizados, segundo ele, 23 mil testes por dia. "São Paulo testa 70% mais do que os estados do centro-oeste e 83% mais do que os estados do nordeste."

"Aumentamos a capacidade hospitalar com 3347 respiradores entregues, dobrou-se o número de leitos em UTI,  com 8400 leitos disponíveis à população evitando que uma vida sequer deixasse de ser atendida."

"Já identificamos que estávamos num platô. Os dados comprovam que no município e na Região Metropolitana que estamos saindo desse patamar e indo para outro estágio da pandemia", afirmou Patrícia Ellen, secretária de Desenvolvimento Econômico. 

"Em uma semana a região metropolitana teve uma região de óbitos de 29%. Conseguimos controlar a pandemia com esse esforço conjunto", afirmou a secretária.

Os dados divulgados apontam redução de 5% tanto para óbitos quanto para internações na capital. Na Região Metropolitana de São Paulo houve queda de 2% nas internações e de 29% nos óbitos. Já no interior, as internações caíram 1% e as mortes reduziram 5%. “Os dados sugerem que o interior pode também, assim como a capital, estar saindo do platô”, destacou o secretário de Saúde, Jean Gorinchteyn.


MATÉRIAS - DENÚNCIAS - VÍDEOS - FOTOS

Fale com a redação do Rondonotícias redacao@rondonoticias.com.br