RONDONOTICIAS sábado, 19 de setembro de 2020 - Criado em 11/10/2001

Leitos para pacientes com Covid-19 é reduzido pela metade no AM

Com diminuição no número de internações, leitos destinados à pacientes com Covid-19 estão sendo reordenados para outras unidades de saúde...


Assessoria

Publicada em: 01/08/2020 14:39:44 - Atualizado

O número de leitos destinados para pacientes internados com o novo coronavírus na rede pública de saúde do Amazonas foi reduzido pela metade, comparado ao número ofertado durante o pico da pandemia no estado, segundo a Secretaria de Estado de Saúde (Susam). Conforme o órgão, a diminuição do número de internações permitiu que os leitos destinados à pacientes com Covid-19 fossem reordenados para pacientes com outras doenças.

O Amazonas passou pelo pico da Covid-19 entre os meses de abril e maio e, desde então, vem apresentando queda nas curvas de contágio e de mortes. O número de casos confirmados pela doença chegou a mais de 100,9 mil, com mais de 3,2 mil mortes, segundo o último boletim epidemiológico divulgado pela Fundação de Vigilância em Saúde, nesta sexta-feira (31).

De acordo com a Susam, até esta sexta-feira, o sistema de saúde do Amazonas tem 501 leitos exclusivos para pacientes Covid-19, sendo 101 de UTI e 400 clínicos. Durante o pico da pandemia, entre 26 de maio e 1º de junho, as unidades de saúde chegaram a ter uma média de 1.070 leitos para Covid-19. Os números apresentam uma diminuição de 53,2% na oferta de leitos para a doença.

Segundo o órgão, o reordenamento dos leitos dos hospitais e pronto-socorros estaduais que realizaram o atendimento de pacientes com Covid-19 tem acontecido de forma dinâmica e gradativa, conforme a diminuição do número de internações verificadas por cada unidade, desde o mês de junho, voltando a atender pacientes de outras enfermidades.


MATÉRIAS - DENÚNCIAS - VÍDEOS - FOTOS

Fale com a redação do Rondonotícias redacao@rondonoticias.com.br